Desgaste de joelho: qual o melhor tipo de atividade física indicado?

0
1372

O popularmente conhecido “desgaste” de joelho é, na verdade, descrito por uma série de alterações das estruturas que compõem a articulação do joelho chamadas de Artrose ou Osteoartrite. Muitas pessoas associam este problema ao envelhecimento, mas ele pode estar relacionado a outros fatores predisponentes como a obesidade, traumas prévios (histórico de fratura ou cirurgia no joelho) e até mesmo a presença de doenças reumáticas. Fatores como o sedentarismo podem acelerar o processo de artrose, que é lento e progressivo, e pode ser traduzido, principalmente, pelo comprometimento da cartilagem que envolve as extremidades dos ossos. A cartilagem possibilita um deslizamento sem atrito entre os ossos do joelho, e durante o processo de artrose, essa cartilagem fica desgastada, por isso o termo “desgaste”. Não somente a cartilagem fica comprometida, mas ligamentos e até mesmo o líquido que lubrifica as articulações, o líquido sinovial. Por isso um joelho com artrose pode ficar inchado e dolorido frequentemente, podendo inclusive gerar dificuldade em movimentos como sentar e levantar, subir escadas ou caminhar uma longa distância.

Vale saber que todo processo de dor no joelho gera uma inibição da musculatura da coxa, podendo acentuar essas limitações e aumentar a dor, uma vez que uma musculatura fraca e inibida deixa o joelho ainda mais instável e susceptível a novas lesões. Por esse motivo, o fortalecimento da musculatura da perna é tão importante para o paciente portador de artrose nos joelhos. É imprescindível que esse fortalecimento seja feito de forma segura, sem oferecer sobrecarga aos joelhos, e sempre acompanhado de um profissional da fisioterapia. Os exercícios podem ser feitos em uma academia ou na água, desde que as cargas, repetições e a execução do exercício sejam sempre acompanhados pelo fisioterapeuta. Ao contrário do que muita gente pensa, ficar parado não é o melhor remédio! A artrose não é caracterizada por um processo inflamatório, mas sim degenerativo, portanto, quanto antes iniciado o tratamento, mais eficaz o resultado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui